Chefe da ONU na Palestina visita o Brasil



ÁRABES/BRASIL - O comissário geral da Agência das Nações Unidas de Assistência aos Refugiados Palestinos (Unrwa, na sigla em inglês) chegará na segunda-feira (13 de agosto) ao Brasil. Durante a viagem, Filippo Grandi se encontrará em Brasília com o Ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, altos funcionários do Itamaraty e de outros ministérios. Ela irá também a Porto Alegre para um encontro com membros da diáspora palestina e terá uma série de reuniões com os setores público e privado no Rio de Janeiro e em São Paulo.


“Estou muito contente em viajar ao Brasil na primeira visita oficial de um comissário geral da Unrwa. Estou ansioso pela oportunidade de agradecer ao governo brasileiro e ao povo, que têm sido tão generosos em oferecer apoio à Unrwa e aos quase cinco milhões de refugiados palestinos que atendemos em todo o Oriente Médio: em Gaza, Jordânia, Líbano, Síria e na Cisjordânia”, declarou Grandi.


As contribuições brasileiras à Unrwa aumentaram de menos de um milhão de dólares por ano até 2011 para 7,5 milhões atualmente. Isto faz do Brasil o líder em doações à agência na América Latina e o maior doador entre os BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul).


“Como a maior e mais antiga agência da ONU a trabalhar com os palestinos no Oriente Médio, nossa história e a expansão geográfica do nosso trabalho nos torna um parceiro único para o Brasil”, acrescentou Grandi. “Um dos nossos ‘valores agregados’ é que temos estado lado a lado com o povo palestino, levando educação, saúde, serviços sociais e prestando assistência há 64 anos em meio a muitos conflitos e crises na região.”


Com mais de 20 mil professores, a Unrwa mantém quase 700 escolas no Oriente Médio, oferecendo educação a meio milhão de crianças diariamente. A agência tem também dez institutos de treinamento vocacional que permite o acesso de milhares de homens e mulheres bem treinados ao mercado de trabalho.


A Unrwa dirige ainda aproximadamente 150 postos de saúde com cinco mil funcionários prestando atendimento básico. A agência se esforça para suprir as necessidades de 250 mil refugiados pobres e vulneráveis e trabalha na melhoria da qualidade da infraestrutura e habitação em campos de refugiados.


As iniciativas de microfinanciamento da agência permitem aos empreendedores gerar rendimentos sustentáveis para si mesmos, suas famílias e comunidades. Desde seu início, em 1991, o Departamento de Microfinanciamento da Unrwa concedeu US$ 200 milhões em empréstimos, incluindo entre os beneficiários mulheres e jovens.


09/08/2012

http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI6065313-EI308,00-Chefe+da+ONU+para+refugiados+palestinos+visitara+o+Brasil.html

Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário