TRÁFICO DE DROGAS DENTRO DA PRISÃO DE ROUMIEH


Foto: Daily Star-
O chefe da prisão de Roumieh, a maior prisão do Líbano, o Coronel Amer Zailaa, declarou que cerca de 50 agentes carcerários estavam envolvidos em casos de corrupção dentro do complexo penitenciário, inclusive na facilitação e contrabando de drogas entre os detentos, e que eles foram afastados de suas funções e foram presos pela acusação de tráfico de drogas dentro da prisão. 

Não apenas os agentes carcerários estão envolvidos no tráfico de drogas dentro da prisão, os familiares dos detentos também fazem parte do esquema, de acordo com a declaração de Zailaa durante a coletiva de imprensa na sede da Federação de Imprensa, na presença de familiares dos detentos, e de representantes do Centro Khiam de Reabilitação de Vítimas de Tortura. 

Nos últimos dois anos, devido à superlotação no complexo penitenciário, ocorreram cerca de meia dúzia de motins, por parte dos detentos, vários agentes penitenciários forama tacados e feridos durante os distúrbios. Em Abril de 2011 três detentos foram mortos e outros ficaram feridos durante um tumultos violento, onde os detentos atearam fogo em suas celas.   

Segundo Zailaa, os detentos formam gangues dentro do presídio e fazem diversas ameaças contras as Forças de Segurança, essa violência têm levado em muitas situações, o Exército libanês a tomar conta da situação para restaurar a ordem dentro do presídio. 

"Estamos combatendo a corrupção em Roumieh e começamos a reabilitação da prisão para torná-la respeitável para os presos", disse Zailaa.

     GazetadeBeirute
CLAUDINHA RAHME

Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário