21 de Dezembro, o mundo parecia acabar no Líbano



21 de Dezembro de 2012, era uma data temida por muitos no planeta, e no Líbano também várias pessoas suspeitaram que chegou o fim do mundo, o maior receio veio com as tempestades avassaladoras, trovões, relâmpagos e alagamentos em diversas partes do país.


Tempestade intensa com ventos fortes causaram inundações nas estradas em todo o Líbano quinta e sexta-feira (20 e 21), e neve caindo a 1.100 metros acima do nível do mar sem trégua, deixou vários motoristas encalhados em enormes congestionamentos, causando vários transtornos.

A maioria dos picos de montanhas do país estão agora cobertos, e até um metro e meio de neve bloqueam estradas em muitas das áreas montanhosas do norte do Líbano e do Vale do Bekaa.
A neve bloqueou também a estrada Maaraboun, ao leste de Baalbek, e deixou isolada a aldeia de Tufeil próxima à fronteira. 

Em Rashaya, as inundações atingiram algumas casas, mas nenhum dano sério foi relatado, e em várias aldeias no sul, os ventos derrubaram os fios de energia elétrica, mobiliando a equipe de manutenção da Electricité du Liban em Tiro, para reparar o problema.

A água da chuva também causou deslizamentos de terra  e a estrada que liga Beirute a Sidon foi temporariamente bloqueada por quase 4hs para que pudesse ser limpa pelos trabalhadores da prefeitura e ministérios do governo, sendo reaberta apenas às 2h da manhã de sexta-feira. A água da chuva causou destruição em estufas agrícolas, e também deslizamentos de terra em Jezzine e na estrada que liga Beirute a Rmeileh, na região de Sidon.

Em Trípoli o trânsito ficou completamente parado na estrada de Minyeh-Abdeh, devido à inundação.

A chuva pesada atingiu todo o país, e obrigou os portos de Sidon, e Tiro, a fecharem por dois dias.


Voluntários da Defesa Civil resgataram pessoas presas em seus veículos, em várias partes do país, incluindo mais de uma dúzia de diferentes locais, somente na capital libanesa, devido a inundações causadas pela chuva forte.
Oito pessoas foram resgatadas em três carros, pelo exército, em Qornet Sawda na região de Bcharre, e outras em Ras al-Ain, na região de Tiro.

O Exército alertou que os cidadãos que passarem por uma situação assim devem ligar imediatamente para o número 1701.


O mundo não acabou, o Líbano estava um caos fora de casa, mas dentro de casa, havia outros problemas, vários meios de comunicação pararam de funcionar, nada dava sinal, as linhas de telefone, a internet e diversos canais de televisão em muitos lugares do país estavam fora do ar, sem contar a falta de eletrecidade que predominou maior parte da noite. 


Como disse Dim em seu blog- diminbeirut, a solução era pensar que estavamos vivendo em uma época antiga onde muitas coisas ainda não existiam.

O jeito foi passar o 21 de dezembro em casa, a luz de velas ao barulho dos trovões, o cenário ideal para suspeitar de que o mundo realmente estava acabando e começaria por aqui.



Claudinha Rahme e Chadia Kobeissi
            Gazeta de Beirute
                22-12-2012

Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

1 comments:

  1. tudo certo!!tudo isto realmente aconteceu por aqui! só erraram a data! não foi 21 de dezembro! foram tres diades seguidos de muita chuva 07 08 09 de janeiro! más valeu! obrigada


    ResponderExcluir