Conheça a tolerância do Profeta Mohamed (S)

O profeta Mohamed ( s), conhecido no Brasil como ( Profeta Maomé ) sempre deixou claro a liberdade de Assembléia Religiosa e sua autonomia. 

Hoje a imagem que possuímos dos religiosos e dos praticantes é uma imagem distorcida por uma minoria ( radical) que atrapalha muito o desenvolvimento da filosofia islâmica para os muçulmanos ( crentes) e para os simpatizantes dos ensinamentos do Profeta e mestre Mohamed ( s).

Os Judeus no tempo do Profeta ( Maomé )  possuíam sua própria escola de ensinos e filosofia Judaica na cidade de Medina denominada  Bait – ul- Midras onde focavam a liberdade teológica da Torah o Livro sagrado a ( Judeus e Muçulmanos ) e as maneiras ritualísticas de Abraão (as) o Pai do Monoteísmo  . 

Era de total liberdade à interação das doutrinas religiosas judaicas dentro de uma cidade muçulmana.

Mas infelizmente hoje as interpretações radiais e a falta de estudos profundos em relação às escrituras sagradas no Islamismo gera “radicalismo” e problemas negativos a religião pacificadora.

Uma carta endereçada ao seu emissário para o líder religioso de Santa Catarina no Monte Sinai, que buscou a proteção dos muçulmanos.

Essa é uma mensagem de Muhammad ibn Abdullah, como uma aliança com aqueles que adotam o Cristianismo, próximos e distantes, que estamos com eles. 

Eu, os servos, os ajudantes e meus seguidores os defendem, porque os cristãos são meus cidadãos e, por Deus! Resisto a tudo que os desagrade. 
Não deve haver compulsão sobre eles. Seus juízes não devem ser removidos de seus postos, nem seus monges de seus monastérios. 
Ninguém deve destruir seu templo, danificá-lo ou levar nada para as casas dos muçulmanos. Quem fizer isso destruirá a aliança de Deus e desobedecerá a Seu Profeta. 
Verdadeiramente, eles são meus aliados e têm meu salvo conduto contra tudo que odeiam. Ninguém deve forçá-los a viajar ou obrigá-los a lutar. 
Os muçulmanos devem lutar por eles. Se uma cristã for casada com um muçulmano, isso não deve acontecer sem a aprovação dela. 
Ela não deve ser impedida de visitar sua igreja para orar. Suas igrejas devem ser protegidas. Não estão impedidos de consertá-las nem da santidade de suas alianças. 
Ninguém da nação (muçulmanos) deve desobedecer à aliança até o Último Dia (fim do mundo).

Profeta Mohamed ( s) foi um homem pacifico e de bom coração , conta se que um dia o mesmo recebeu uma delegação de 60 cristãos da região de Najran na sua Mesquita . 
No chamado da oração os amigos cristãos se voltaram para o oriente iniciando sua pratica  . 
O profeta ( Maomé) disse a todos : “ Não os incomodem “ .

A tolerância religiosa foi a marca dos pensamentos do profeta ( Maomé ) mas infelizmente as interpretações pessoais de cada líder seja político ou não preparado religiosamente para os cargos elevados de guiar seres humanos faz desviar uma senda reta . 


Anthony Mohammad
Gazeta de Beirute

Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário