MINISTÉRIO DA SAÚDE CANCELA LICENÇA DE FARMACÊUTICOS

Foto: nna-
A licença de 15 farmacêuticos foi cancelada no último sábado (24), pelo Ministro da Saúde Ali Hassan Khalil, depois que as investigações feitas pelo ministério comprovaram que os exames de Colóquio dos farmacêuticos investigados foram forjados.  A medida foi tomada depois de um escândalo que atingiu o setor de saúde no Líbano.
O Procurador-Geral do Ministério Público, Juiz Hatem Madi emitiu no início do mês, um mandado de busca e investigação sobre o caso de medicamentos ilegais contra duas pessoas, incluindo o irmão do Ministro de Estado da Reforma Administrativa, Mohammad Fneish.
O mandado foi emitido contra Abdul Latif Fneish e Ahmed Fouad Wehbeh, envolvidos no forjamento dos certificados dos testes de laboratório dos medicamentos ilegais. O Ministro Fneish disse que não iria proteger qualquer um considerado culpado no caso, mas os relatórios dizem que a falsificação tem sido prolongada por dez meses, e quando foi exposto, o Ministro da Saúde alegou que foi encaminhado para o judiciário, há um mês.

CLAUDINHA RAHME
GazetadeBeirute
02/12/2012

Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário