Assir fala sobre denegrir a imagem dos sunitas


O salafista Sheik Ahmad Assir advertiu na última semana, sobre a tentativa de denegrirem a imagem dos sunitas no Líbano, por eles fornecerem abrigo aos refugiados sírios.

Durante uma cerimônia em Abdeh, distrito de Akkar, no norte do Líbano, Assir disse: "Acusar falsamente Akkar de estar abrigando o terrorismo é mentira, isso não passa de uma tentativa, por parte de alguns, de denegrir a imagem dos muçulmanos sunitas. Vamos lutar para estabelecer o equilíbrio no Líbano". 

Assir enfatizou ainda a necessidade de coexistir e estender as mãos à todos, em especial aos cristãos, com quem, segundo ele, os sunitas veem convivendo em paz por mais de 1.400 anos. O salafista afirmou ainda: "Nós não temos problemas com a seita xiita, mas com todos aqueles que são de negociação, e chamam a si mesmos de resistência".

E perguntou: "Quanto tempo teremos ainda que esperar até que todas as armas estejam sob controle do Estado? Até quando o Hezbollah vai dar a falsa desculpa de que eles estão fortemente armados, porque o Exército Libanês é fraco? Essa desculpa é uma farsa, para eles continuaram a manter suas armas".

Porém os líderes religiosos salafistas afirmaram diversas vezes que os que são de outras escolas islâmicas ou religiões, são infiéis. E o grupo salafista é um dos mais armados do Líbano e durante meses há conflitos em Trípoli entre eles e os alauitas.

No Natal o Sheikh Salafista Omar Bakri Fostok, disse que é pecado para o muçulmano participar de uma comemoração que não seja islâmica. Na vinda do papa ao Líbano o líder salafista disse que o papa não era bem-vindo ao país.

“Nós queremos um governo islâmico, não somos iguais os cristãos.” Acrescentou.
Muitos sunitas consideram os salafistas um grupo extremista e fundamentalista.

GazetadeBeirute
Claudinha Rahme e Chadia Kobeissi

Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário