Padre Perdoa Adolescente Agressor


Foto: Panoramio
O adolescente Mohammad Fawwal, de 16 anos que agrediu o padre Abdullah Skaff da igreja Greco católica em Al Zahiriya em Trípoli há uma semana, desculpou-se essa semana, durante uma cerimônia de reconciliação na Igreja de St. Jorge.

Segundo informações o sacerdote e seu filho Maximo Skaff, foram espancados por Fawwal e um grupo de jovens da mesma idade, porque o clérigo pediu-lhes que não fumassem arguile na porta da igreja.


O incidente provocou uma onda de críticas dos moradores do bairro de Al-Zahiriya, alguns dos quais interveio durante o espancamento contra o padre. Autoridades locais dirigiram-se imediatamente para o local, no intuito de evitar uma tensão maior em Al-Zahiriya. 

Testemunhas afirmam que os jovens envolvidos no ataque ao sacerdote possivelmente estavam drogados e agiram sem pensar. 

O Bispo Greco Católico George Baaqouni afirmou em uma reunião na tarde do ultimo domigo (30), que esse ataque foi contra a Igreja de Trípoli e a tudo o que ele representa para a igreja, e descartou que os motivos do ataque pudessem ter sido motivados por sectarismo político, afirmando que os moradores da cidade são todos irmãos e irmãs. 


Ao saber que a policia havia detido um dos suspeitos do ataque sob acusação de assalto em outra área, o padre Skaff pediu que seu filho retirasse a queixa contra os jovens, e que a policia não prendesse Fawwal. 


A reconciliação ocorreu na última ter-feira (2), e foi dirigida pelo Bispo George Baaqouni, que agradeceu o Ministro do Interior , Marwan Charbel e o Ministério Público do norte do Líbano, bem como o Juiz Omar Hamzeh, por sua colaboração no sentido de facilitar a reconciliação. 



CLAUDINHA RAHME

GazetadeBeirute
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário