Anúncio Machista, feministas em ação


Foto- souwar.yaacoub.com

Al Rifai uma das marcas libanesas mais conhecidas de torrefação de sementes e grãos do mundo árabe desde 1948, produziu um anuncio provocativo na comemoração do Dia Internacional dos Namorados.

A torrefação de amêndoas, cajus, sementes de abóboras, pistaches, entre outras, são muito comercializadas no Líbano, em cada reunião familiar ou social, é sempre servido.

Al Rifai é bem conhecida pelos seus belos anúncios, mas esta última semana a Companhia que possui diversas filiais no Líbano fez uma campanha homenageando o dia dos namorados, no entan todos 4 anúncios, apenas 2 vão ser mantidos, pois há imagens que não agradaram a todos.

A imagem do nozes, afirma: “Porque ele tem cérebro” e ao lado: “Porque ela tem curvas”

As mulheres libanesas ficaram muito bravas com essas afirmações, e as feministas, fizeram diversas acusações contra Al Rifai.

Após o lançamento a campanha realmente provocativa, enfrentou acusações sexistas provenientes de seu público grande no Facebook.

Al Rifai tirou os anúncios, e respondeu ao seus clientes de forma natural e mantendo a classe:

“É apenas um anúncio com algum senso de humor,  Al Rifai gostaria de salientar que o visual não tinha de forma alguma intenção de diminuir o papel da mulher na sociedade. Nós acreditamos na igualdade. Esperamos que você seja capaz de ver as coisas a partir de nossa perspectiva.”

“Agradecemos a todos os que apreciaram a criatividade da campanha, mas para não ofender ninguém e para evitar qualquer mal-entendido, nós decidimos remover dois dos visuais postados. Desejando a todos um Feliz Dia dos Namorados!” Acrescentou.

Os visuais que ficaram foram esses:
“Porque a beleza está no interior”


“Porque dois podem se tornar um”

Mesmo depois da remoção das outras imagens, a crítica continua, e agora Al Rifai certamente irá tomar mais cuidado com esse tipo de anúncio, pois todos estão mais atentos, e mais críticos, principalmente no Líbano onde as mulheres cada vez mais estão lutando pelo seu espaço e seus direitos.

Chadia Kobeissi
Gazeta de Beirute
14-02-2013
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

1 comments:

  1. Olha , nao sou feminista, mas acho que as duas primeiras foram claramente machistas. Mas... se eu for levar em consideracao como os libanese diregem ,eu acho que tanto homem como a mulher nao possuem cerebro. kkkkkkkkkkkkk

    Carla

    ResponderExcluir