FMI SOLICITA REFORMAS NO LÍBANO


Foto: Acil.com

Mohammad Safadi, Ministro das Finanças, esteve em reunião na última semana com autoridades dos EUA em Washington, para discutir as reformas solicitadas pelo FMI. 

Safadi disse que as forças políticas deveriam assumir a responsabilidade de melhorar a situação financeira do país, sem divisões políticas, e sem ignorar a situação econômica na qual o Líbano se encontra.

Christian Lagarde, chefe do FMI, sugeriu que o orçamento desse ano, incluía investimentos necessários para fortalecer a economia, e que gastos desnecessários e desperdícios fossem cortados, embora o FMI esteja satisfeito com o desempenho econômico do país de modo geral.

O governo ainda não encontrou uma proposta orçamentária que cubra os custos para a proposta de aumento salarial para os empregados do setor público, e isso têm gerado reservas em grande parte dos ministros, em relação ao aumento de impostos para financiar essa nova proposta salarial, devido á crise econômica e a incerteza política do país.

Tal posição é apoiada pelo Banco Mundial, pelas Comissões de Economia, que representam o setor privado, bem como o FMI, que pediu a Safadi para evitar que isso aconteça, demonstrando preocupação em relação às condições fiscais e a inflação que isso poderá gerar, e ainda manifestou disposição para discutir várias propostas econômicas, para auxiliar o país. 
CLAUDINHA RAHME
Gazeta de Beirute

Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário