Novo Museu de Arte do Rio De Janeiro

CULTURA: Foto: museumar.com

Na comemoração do 448º aniversário da cidade (01), foi inaugurado o novo Museu de Arte do Rio (MAR), na Praça Mauá, zona portuária do centro da capital, na presença de autoridades, empresários, artistas e formadores de opinião, com abertura oficial para o público, na terça-feira, (5).  Vizinho do Morro da Conceição, do Cais do Valongo, da Pedra do Sal e do Cemitério dos Pretos Novos, o MAR destaca a arte brasileira e mundial. 

Concebido a partir da união de dois prédios construídos em épocas distintas, o Palacete Dom João VI, inaugurado em 1916 (destinado a Inspetoria de Portos) e com 5,2 mil metros quadrados, e um prédio modernista da década de 1940 (que já funcionou como delegacia de polícia, hospital da Polícia Civil e terminal rodoviário) com 7,2 mil metros quadrados, totalizando no final 15 mil metros quadrados, possui oito salas de exposições e cerca de quatro mil metros quadrados, divididos em quatro andares com a ligação dos dois imóveis, e é uma obra do escritório carioca Bernardes & Jacobsen. 
A ligação dos dois imóveis, por meio de uma praça e de uma passarela em leve declive envidraçada, que leva o visitante de um prédio a outro, só foi possível através da construção de uma grande laje, com 800 toneladas de concreto, em forma de onda na cobertura. A obra de R$ 79,5 milhões é uma iniciativa da prefeitura do Rio, responsável pela alocação dos recursos, e da Fundação Roberto Marinho, responsável pela concepção do projeto.

O Palacete Dom João VI será destinado à exposição de obras de arte, e o edifício de sete pavimentos ao lado, abrigará a Escola do Olhar, um espaço dedicado à formação continuada de educadores e alunos das escolas municipais do Rio, desenvolvido em colaboração com universidades, para discutir arte e educação, contará  com salas de aula, biblioteca especializada em artes visuais, café, loja de arte, auditório para 107 pessoas, e um terraço onde funcionará um restaurante com capacidade para 100 pessoas, com vista panorâmica para a Baía de Guanabara e para o Mosteiro de São Bento. Como recomenda a UNESCO, o MAR terá atividades que envolvem coleta, registro, pesquisa, preservação e devolução à comunidade de bens culturais.  
A partir deste mês os visitantes poderão ver quatro exposições: 

A exposição “Rio em Imagens - Uma Paisagem em Construção”, com pinturas, gravuras, desenhos, fotografias, esculturas e vídeos, que enfatiza o imaginário que a cidade despertou e desperta nos visitantes, habitantes e admiradores, conta com 400 peças, e vai até 28 de julho.

A exposição “O Colecionador - Arte Brasileira e Internacional”, na Coleção Jean Boghici, o romeno erradicado no Brasil, de 85 anos, considerado um pioneiro do mercado de arte do país, que expõe sua coleção particular de 136 peças de diversos artistas, e  com 9 núcleos temáticos: século 19, modernismo, surrealismo, arte espontânea, abstração informal, abstração construtiva, pintura chinesa, pintura russa e nova figuração. A exposição fica até 1º de setembro.

A exposição “Vontade Construtiva na Coleção Fadel”, com 250 obras produzidas por artistas brasileiros participantes dos movimentos concreto e neoconcreto, surgidos nas décadas de 1950 e 1960, e que fica até 7 de julho.
E a exposição “O Abrigo e o Terreno - Arte e Sociedade no Brasil” reúne, 114 obras que apresentam diferentes concepções da cidade, e visa discutir, através da arte, questões como as relações de inclusão e exclusão no contexto urbano, a constituição da propriedade, e o usufruto dos espaços sociais, e fica até 14 de Julho.

Sala de exposição 'O abrigo e o terreno' no térreo / Fotos: Daniela Dacorso - O Globo


Sala da exposição 'Vontade construtiva na coleção Fadel' no 1º andar / Fotos: Daniela Dacorso - O Globo


Sala da exposição 'O colecionador' no 2º andar / Fotos: Daniela Dacorso - O Globo

   
Visite o Site do MAR: http://www.museumar.com/.
CLAUDINHA RAHME
Gazeta de Beirute
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário