Samir Geagea e a interferência na Síria


Foto-Aldo Ayoub-

O Líder das forças armadas, Samir Geagea criticou qualquer interferência militar nos conflitos da Síria, em uma declaração pública na última segunda-feira(25). 

"Se as coisas continuarem como estão, vamos estar diante de consequências terríveis e cidadãos libaneses vão pagar o preço, mais uma vez," Geagea, afirmou ao Jornal An-Nahar.

Geagea também disse que "o envolvimento militar na Síria põe o Líbano inteiro em perigo".

O Líder das forças armadas, também destacou o compromisso do Hezbollah na Declaração de Baabda que afirma que independente da rivalidade, todos os partidos libaneses devem neutralizar o país, principalmente em relação aos acontecimentos na região.

Nas últimas semanas várias fontes relataram um possível envolvimento dos militantes do Hezbollah no conflito sírio, por outro lado, o Hezbollah negou participação na guerra, mas afirmou que nas aldeias xiitas que se localizam na fronteira há moradores que estão se defendendo.

Geagea pediu ao governo, e para aliança 8 de Março, agirem contra qualquer interferência militar na Síria, independente das diferentes opiniões sobre diversos assuntos que possuem.

Políticos rivais das alianças  14 e 8 de Março, estão divididos na questão da Síria, enquanto alguns apoiam o Regime, outros apoiam os rebeldes e ambos são acusados de interferir nesses conflitos.

Com ataques e combates na fronteira, a oposição fez apelos para a implementação das forças pacificas da ONU ao longo da fronteira com a Síria.

Chadia Kobeissi
Gazeta de Beirute
01-03-2013
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário