Interpol Reforçará Segurança do Líbano


Foto: Interpol

Na última semana, o Diretor-Geral do Departamento de Segurança do Líbano, o Major General Abbas Ibrahim, se encontrou com o Secretário Geral da Interpol, Ronald K. Noble, para definir várias medidas de segurança para reforçar os controles de fronteira do Líbano. 

O General Ibrahim, afirmou que esta era uma resolução há tempos almejada pelo Departamento de Segurança do Líbano, para reforçar a segurança pública do país, combater o terrorismo e o crime organizado, que são questões prioritárias de segurança no Líbano.

Ibrahim espera que a colaboração com a Interpol possa expandir os interesses de segurança nacional, regional e internacional, através da implantação de um sistema de triagem de passaportes nos pontos de fronteira e aeroportos, que facilitará em tempo real, o acesso a documentos roubados e extraviados, através do banco de dados já utilizado pela Interpol, permitindo assim, a identificação instantânea de pessoas que estejam portando identidades falsas, terroristas e criminosos internacionais.  

O banco de dados da Interpol, conta com 36 milhões de documentos acessíveis de 190 países membros da Interpol, e que neste ano já está com mais de 50 milhões de acessos mensais por parte de autoridades policiais em todo o mundo.

 A base de dados da polícia libanesa será integrada à Interpol, permitindo que alertas vermelhos sejam trocados entras as autoridades nacionais e internacionais, na identificação internacional de pessoas procuradas, bem como localização e rastreamento de veículos roubados, um sério problema no país, visando o aumento da capacidade de identificação e investigação de atividades criminosas e terroristas que irão beneficiar não apenas o Líbano, mas toda a região.

Noble afirmou que este foi um passo significativo do compromisso das autoridades libanesas em parceria com a Interpol, em colaboração com a segurança internacional. A Interpol aceitou o convite em ser co-anfitriã, juntamente com as autoridades libanesas, e o ex-membro do Comitê Executivo da Interpol, o General Georges Boustani, da Primeira Reunião Global de Segurança de Imigração e de Fronteiras.

A reunião visa a proteção e o rastreio de pessoas que atravessam as fronteiras, bem como na aplicação da lei de seguranças fronteiriças com funcionários da imigração, e a identificação de formas adicionais de aprimorar a cooperação mútua do Líbano e da Interpol.


CLAUDINHA RAHME
GazetadeBeirute
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário