Paranaguá – PR

Foto: pauloolfotos. blogspot

Paranaguá, cujo nome em Tupi-Guarani significa “grande mar redondo”, é a cidade mais antiga do estado do Paraná, possui mais de 140 mil habitantes, e fica a 91 km de Curitiba, a capital do estado. Este antigo litoral paranaense, onde outrora habitou o ‘Homem do Sambaqui’, uma milenar e extinta civilização, da qual quase nada se sabe; foi também o berço das tribos Carijó e Tupi-Guarani, antes delas serem extintas, pelos colonizadores portugueses. 

A histórica cidade de 463 anos, ainda possui vestígios da colonização portuguesa, com seus casarios azulejados, suas ladeiras de pedra, e igrejas. Seu centro histórico diversificado, conta com o Museu de Arqueologia e Etnologia de Paranaguá, e o Museu do Instituto Histórico e Geográfico de Paranaguá, além dos casarios antigos, igrejas, bem como as ilhas da Cotinga, do Mel, entre outras atrações.

Dentre os pontos turísticos de Paranaguá, podemos citar:

•Cine Teatro                                                                        Estação Ferroviária
•Estrada de Ferro Paranaguá-Curitiba                          Fonte Velha ou Fontinha
•Catedral de Paranaguá                                                    Monumentos Históricos
•Museu Narigi Surf do Porto S/A                                     Museu de Arqueologia e Etnologia 
•Palácio Visconde de Nácar                                             Casa Elfrida Lobo
•Palácio Carijó                                                          Museu do Instituto Histórico e Geográfico 
•Alfândega da Receita Federal                                         Aquário de Paranaguá
•Edifício Palácio do Café                                                    Igreja de Nossa Senhora do Rocio
•Igreja de São Benedito                                                    Praça 29 de julho
•Solar dos Dacheux                                                            Centro do Turismo
• Igreja da Ordem de São Francisco das Chagas         Mercado do Artesanato
•Mercado Municipal                                                            Palácio Mathias Böhn
•Casa Cecy                                                                           Porto Dom Pedro II
•Praças                                                                                 Rua da praia
•Mercado Nanto                                                                  Gigante do Itiberê
•Palácio do Esdras                                                              Aeroparque
•Farol das Conchas                                                            Ilha do Mel
•Gruta das Encantadas                                                     Rua da Praia
•Palco Tutóia                                                                       Praça Fernando Amaro
•Casa Monsenhor Celso (Casa da Cultura)                   Mercado Municipal Brasílio Abud
•Mercado Municipal do Café             Instituto de Educação Dr. Caetano Munhoz da Rocha


HISTÓRIA: 

O litoral paranaense começou a ser povoado em 1550, a partir da ilha de Cotinga, e o sertanista paulista, Gabriel de Lara, foi então enviado para erguer o Pelourinho, e um posto avançado de defesa contra invasão estrangeira, e contra os índios carijós. Em 1646, ele anunciou o descobrimento de ouro em Paranaguá, o que deu inicio ao ciclo de mineração aurífera na cidade, que deslocou diversas autoridades para a cidade, e acabou chamando a atenção de diversas pessoas, pela intensa movimentação, causando assim, um grande afluxo de pessoas, que em busca de renda fácil, deu inicio ao povoamento de Paranaguá, em 1648.

Sua localização geográfica permitiu que Paranaguá participasse de ações militares, e em 1767, por determinação do Governador, e Capitão-General da Capitania de São Paulo, D. Luís António de Sousa Botelho Mourão, foi construída a Fortaleza da Ilha do Mel, sem que ela fosse acionada para fins bélicos. O maior porto graneleiro da América Latina teve seu inicio, no antigo atracadouro de Paranaguá, em 1872, e era administrado por particulares. 

Em 1880, D. Pedro II esteve em Paranaguá, para o lançamento da estação ferroviária. Construída sobre a Serra do Mar, a obra enfrentou grandes obstáculos do relevo, que pareciam ser impossíveis de se realizar, para sua construção. Seu primeiro trecho foi inaugurado em 1883, e em 1885 estava concluída, sendo a primeira ferrovia do estado do Paraná. A estrada de ferro, Paranaguá-Curitiba, é até hoje uma das mais famosas do Brasil, e motivo de grande orgulho na engenharia nacional. 

Em 1902, foi inaugurada a iluminação elétrica, em 1908 foi instalado o serviço telefônico, em 1914 o serviço de abastecimento de água e rede de esgotos, e a partir de 1917, o porto passou a ser administrado pelo município; que deu inicio às obras de expansão e modernização em 1926, que foi então reinaugurado, em 1935. Com a chegada dos imigrantes, o porto se tornou um dos mais importantes centros do comércio marítimo do mundo.

Os primeiros libaneses chegaram à cidade em 1887, e no início do século passado, a Rua da Praia era ocupada por 99% deles, além da Rua XV de
Novembro, uma das principais ruas de comércio da cidade, até os dias atuais, concentra 60% da comunidade libanesa de Paranaguá, que é de cerca de 4 mil descendentes dos primeiros imigrantes sírios e libaneses, que chegaram à Paranaguá.

Em Março do ano passado, a Prefeitura de Paranaguá homenageou o povo libanês, dada a contribuição cultural, social, econômica e histórica desses imigrantes para o crescimento e desenvolvimento da cidade. A comunidade libanesa de Paranaguá recebeu como agradecimento, a construção de uma praça em frente à rodoviária da cidade.

Situada na Rua da Praia, a praça nomeada de “Praça dos Povos Árabes”, conta com um monumento com dois pórticos decorados no estilo árabe, bancos novos, paisagismo e iluminação especial. A Fundação Municipal de Turismo instalou junto ao espaço, um Centro de Informações Turísticas para orientar os turistas, nos diversos pontos turísticos importantes de Paranaguá.

Paranaguá foi tombada pelo Patrimônio Histórico Nacional, cujas belezas naturais e históricas, recebem visitantes do mundo inteiro. A comunidade islâmica de Paranaguá possui uma Mesquita na cidade, conforme foto ao lado, e quem conduz a mesquita é o Sheik Maher Bader.




Claudinha Rahme
Gazeta de Beirute
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário