A fantástica e difícil façanha de amar

Homens e mulheres parecem que não nasceram pra viverem juntos, existem muitas divergências de opiniões, expectativas,pensamentos,sentimentos e comportamentos. 

De modo geral, os homens apresentam um estereótipo de serem mais práticos, mais focados, e, as mulheres de serem mais afetivas, de terem uma capacidade maior de planejamento e análise das situações. E muitos conflitos derivam disso tudo, brigas, discussões, e até separações.

Sem ser pessimista, e sim realista, costumo dizer que escolher um parceiro (a) para compartilhar a vida, é principalmente, uma questão de escolher com quais defeitos você quer, ou consegue, conviver. Não existe a pessoa perfeita, mas defeitos aceitáveis ou inaceitáveis. Tudo depende dos seus valores e do seu modo de pensar. 

Falando na prática agora, existem algumas dicas básicas e fundamentais para a convivência pacífica de um casal. Entre todas, a principal e essencial, é o respeito. Sem ele não há uma relação saudável. Respeitar as diferenças, os gostos, os modos de agir e até de sentir, garantem um relacionamento de sucesso. 

Acrescente a isso, elogios e pequenos gestos, que parecem não ter importância, mas que fazem toda a diferença. Valorize as qualidades de seu amor, nem que seja, pra dizer que está orgulhosa do desempenho dele, no trabalho, ou que ela é uma ótima mãe; palavras mágicas que soam como música aos nossos ouvidos, não é mesmo?

Deixe bilhetinhos de amor pela casa, dê presentes, mostre que pensa nele (a), seja cortês, e mantenha a magia do namoro para sempre, em sua vida e em seu coração. Dizer o que pensa de maneira adequada e certeira é importante, evita e soluciona conflitos, impede que se faça julgamentos errados, e interpretações fantasiosas, sobre as situações. 

Mas também saiba ponderar os comentários, às vezes fazer uma crítica não leva a nada de bom, e nem sempre ela é construtiva. Omitir, em certos casos, é fundamental para a sobrevivência do relacionamento. 

Prefira realçar uma qualidade, todos ganham com isso.Amar é uma questão de aprendizado também, de muita coragem, persistência e motivação!
Amem muito!    


Giselle Dechen – Psicóloga Online 
Gazeta de Beirute
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário