Líbano tomará medidas pela segurança


Após diversos foguetes terem atingido a região de Baalbek, o Presidente Michel Suleiman, afirmou no último sábado, que o Exército libanês, deverá perseguir os responsáveis de tais atentados, que já mataram diversas pessoas.

"O exército deve perseguir os responsáveis, e manter a segurança no país", disse Suleiman.

O Presidente ressaltou, que estes atos que comprometem a segurança no país são inaceitáveis,  independente de quem esteja por trás disso.

"O Líbano não vai tolerar esses incidentes, iremos descobrir e punir os culpados", acrescentou Suleiman.

Nas últimas semanas, dezenas de pessoas ficaram feridas no território de Baalbek, e Bekaa, e várias casas foram atingidas. Na sexta-feira (14), duas pessoas ficaram feridas por foguetes, após um discurso do líder do Hezbollah. 

Em seu discurso Nasrallah disse que diferente do que muitos políticos tem afirmado, “os foguetes que caem na área de maioria xiita, não estão sendo lançados de Arsal onde a maioria é sunita, mas sim por grupos armados fora do Líbano no território sírio”. 

“ Mas a mídia e muitos políticos, insistem, em querer propagar um conflito entre xiitas e sunitas, o que não é o caso”, acrescentou.

O líder do Hezbollah, também afirmou que “todos devem ter paciência, e evitar até mesmo fazer intrigas pessoais, especialmente nessa época de tensão, pois as vezes um atrito começa por uma razão pequena e individual, e resulta em problemas maiores, e coletivos”.

A guerra na Síria, que já dura mais de dois anos, vem fazendo muitas vítimas, também nas regiões vizinhas.


Chadia Kobeissi
Gazeta de Beirute
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário