E o povo brasileiro passando fome, sem saúde e educação!


Vejam vocês, o mundo se agitando com a “Jornada Mundial da Juventude” no Rio de Janeiro, e a visita do Papa Francisco ao Brasil, e ano que vem a da Copa do Mundo! Que maravilha! 

Os gastos da visita papal estão estimados em torno de US$180 milhões, segundo os organizadores, 70%, virão de doações. US$ 10 milhões de patrocínios e eventos para levantar fundos, e US$ 3,9 milhões serão pela contratação de serviços de saúde para o evento, à custa da Prefeitura do Rio. 

Um inquérito foi aberto pelo Ministério Público para analisar os custos de tudo isso, mas, como tudo sempre ocorre neste país, certamente  esse inquérito também “acabará em pizza”, e os bolsos de alguns governantes, bem como dos responsáveis pelos repasses, deverá engordar mais um pouco.

A mesma situação, porém em escala muitíssimo maior, vem ocorrendo em relação a Copa do Mundo de 2014. A estimativa é de R$ 100 bilhões, ou seja, US$ 50 bilhões! Tudo vem sendo superfaturado, e feito de última hora! A oposição solicita CPI para investigar os gastos com a Copa, mas todos já sabem que lá vem mais uma rodada de pizza!

É sabido, que já houve um acréscimo de 43% sobre os gastos previstos, apenas com a construção dos 12 estádios que serão utilizados. O estádio Mané Garrincha, em Brasília, está sendo um dos mais caros da história das Copas, e não tem previsão de retorno do investimento após a Copa 2014. Utilizando o critério de custo por assento, está previsto o valor de R$16,8 mil /assento, com valor final estimado, em R$ 1,2 bilhão. Os governos estaduais entram com pouco mais de R$ 1,1 bilhão, as prefeituras com R$ 466 milhões, e o setor privado com aproximadamente R$330 milhões.

Valores completamente diferentes, do que foi dito pelo Ex-Presidente da CBF, Ricardo Teixeira, que afirmou que seria uma “Copa 100% privada”, na ocasião da escolha do país sede. A contribuição do setor privado para as construções, no entanto, foi bem menor: em torno de R$ 329,4 milhões. 

De acordo com as últimas informações do Ministério do Esporte, os gastos com a Copa do Mundo de 2014 (incluindo estádios, mobilidade urbana, aeroportos etc.) já ultrapassaram o orçamento inicial previsto, em R$ 28 milhões. Só para constar, e comparar: conforme publicado em Abril, no Diário Oficial, o orçamento da União para 2013, prevê o destino de R$ 99,8 bilhões para o Ministério da Saúde, e outros R$ 81,1 bilhões para a Educação.

E tudo acaba em pizza, samba e carnaval!


Silvia Tohmé
Gazeta de Beirute
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário