O que eu faço para melhorar minha relação com meus filhos?

Muitos pais se queixam sobre a educação de seus filhos, não sabem o que fazer em determinados momentos, sentem dificuldade na hora de ensinar, e principalmente, perdem o controle da situação facilmente, tornando a convivência familiar cada vez mais insustentável e estressante. Agressividade, desobediência e birra dos filhos, por exemplo, podem ser analisados e modificados, através de conscientização e utilização de algumas estratégias importantes, chegando a resultados incríveis e maravilhosos!  
        
Seguem a seguir algumas dicas do que fazer para melhorar sua relação com seus filhos:

Comunicação: 
Deve ser de forma clara e objetiva, adequada à idade da criança/adolescente, o discurso deve ter coerência e consistência. Os pais devem saber ouvir e detectar as necessidades dos filhos!

Foco positivo: Não economize nos elogios! Valorize e respeite o que seu filho (a) faz, motive-o (a)!

Envolvimento: O grau de envolvimento afetivo entre pais e filhos, determina o nível de autoestima que estes irão levar para as suas mais diversas relações sociais, enfrentando os desafios e frustrações com sucesso!

Modelo: Crianças/adolescentes precisam de modelos, imitar faz parte do processo de aprendizagem e desenvolvimento. Então, preste atenção ao seu próprio comportamento o tempo todo!

Autonomia e independência: Crianças e adolescentes devem aprender com a própria experiência, tornando-se adultos seguros e confiantes, ter boas habilidades sociais, sabendo lidar com seus próprios problemas, alcançando a independência e sucesso, em suas atividades. Por isso é importante que participem das questões familiares, e de tomadas de decisão (quando for possível e adequado), para se tornarem adultos comprometidos e responsáveis.

Ensine empatia: O respeito e a preocupação com o outro, são características de pessoas que tem sucesso socialmente, e podem evitar também um futuro de sofrimento psicológico e social, prevenindo até, em última instância, comportamentos delinquentes.  

Para casos em que a dinâmica familiar está muito conflituosa e fora de controle, é interessante buscar a orientação dos pais, para se conquistar novamente uma posição ativa, frente à educação e vida dos filhos. E lembrem-se sempre que “o poder de um sorriso, uma palavra afetuosa, um ouvido atento, um elogio sincero, um pequeno ato de cuidado não devem ser subestimados, pois têm o poder de mudar uma vida”. (Lidia Weber).

Quais as vantagens de se ter uma Psicóloga online?

Atendimento Psicológico Online
Quanto menos autoconhecimento e vivências se têm, menor a capacidade para resolver os problemas que nos surgem. Ao entender melhor o seu jeito, e como funciona o mundo ao seu redor, as relações entre as pessoas, como e porque você, e os outros se comportam, você amplia sua capacidade de resolver problemas, e as dificuldades ficam cada vez menores. 
Isto é o que acontece no atendimento psicológico, e agora existe esta opção online.

Quais as vantagens de se ter uma psicóloga online?

- Ser atendido onde quiser, e até sem sair de casa;

- Economia de tempo, pois não precisa se locomover até o consultório;

- A liberdade de escolher dentre as modalidades que preferir: Skype, chat, ou e-mail;

- Atendimento expandido em todo o Brasil, e também a brasileiros no exterior;

- Ajuda em momentos de crise, com horários flexíveis, e cobertura mais abrangente, de atendimento;

- Resolução mais rápida, para questões pontuais, e específicas, com o desenvolvimento de estratégias, para mudança;

- Opção requisitada, por pessoas mais reservadas, e que com bastante familiaridade com a internet, e que apreciam este canal de comunicação (também indicado para adolescentes). 


Giselle Dechen – Terapia Online
 www.giselledechen.com.br 
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário