Seleção libanesa de basquete fora da FIBA por 4 anos


A FIBA - Federação Internacional de Basquetebol, anunciou na última quinta-feira (18) a suspensão da filiação do time libanês de basquete pelos próximos 4 anos, estando a seleção libanesa, sumariamente proibida de participar dos torneios mundiais.

A Federação advertiu que suspenderia a participação do Líbano nas competições internacionais, caso o judiciário se intrometesse nos assuntos do esporte. A crise do basquete libanês começou com as disputas sobre as eleições da União Europeia. 

Após a abertura de processos judiciais contra a Federação Libanesa de Basquete, movida pelos clubes de Amchit e de Mouttahed, no final do mês passado, a FIBA acabou tomando conhecimento da situação, e decidiu propor algumas soluções dentro de um prazo onde tudo deveria ser resolvido. Porém, o impasse continuou turbulento, e a Federação internacional, decidiu suspender a seleção libanesa de participar dos campeonatos mundiais.

A decisão de suspender o Líbano foi a medida encontrada pela Federação Internacional, diante do fracasso da Federação Libanesa, em solucionar o impasse interno, que envolvia uma série de violações, dentre elas, a interferência política nas partidas, assim como as disputas legais entre as equipes e jogadores. A crise foi confirmada pelo Ministro dos Esportes, Faisal Karami, que durante uma entrevista coletiva, afirmou que a política e o sectarismo, estavam arruinando o basquete do Líbano. 

A seleção libanesa estava escalada para o próximo campeonato da FIBA, que acontecerá em 27 de Agosto, em Manila na Ásia, onde o time estava enquadrado no Grupo B, juntamente com Hong Kong, Japão e Qatar. Com a suspensão do Líbano na FIBA, a seleção libanesa acabou sendo desclassificada do torneio, e será substituída pela seleção do Iraque. 

Membros da equipe masculina de basquete do Líbano, que estão competindo a Copa William Jones, em Taiwan, manifestaram sua indignação com o desenrolar da situação anunciada pela FIBA. O Líbano é um difícil oponente nas meias-finais do torneio das Filipinas, quem consegue ultrapassar a primeira rodada da competição, sabe que certamente irá competir com a seleção libanesa nas semifinais. 

Os atletas do basquete libanês são extremamente dedicados e talentosos, ver uma seleção inteira ser penalizada dessa forma, por causa da politicagem interna de dirigentes sectários, causa muita revolta!


Claudinha Rahme
Gazeta de Beirute
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário