Idosos libaneses estão aprendendo a usar a internet

A era digital é um tanto assustadora e dificultosa, à compreensão da geração mais idosa, o que gera um conflito com a geração mais nova, e suas tecnologias recheadas de recursos completamente desconhecidos e até estranhos, impedindo que outras formas de comunicação à distância, sejam estabelecidas entre as duas gerações. 

A limitação ao acesso virtual digital, também impede que os idosos sejam inseridos num contexto social de modernidade, e praticidade, em suas vidas; onde eles poderiam conhecer novas pessoas, ler artigos e navegar na internet, e aprender coisas novas, que poderiam facilidade o seu contato com a sociedade.

 Pensando nisso, a Skillz Beirut, um espaço cultural voltado a cursos, programas, eventos, workshops, decidiu lançar um curso de informática para a terceira idade. As aulas são realizadas duas vezes por semana, com duração de 2hs por aula, divididas em oito sessões, por US$250 dólares, onde as aulas podem ser dadas em árabe, francês e inglês, com o objetivo de familiarizar os mais idosos à linguagem e tecnologia digital.

 Yoka Nassar, uma das proprietárias da Skillz Beirut, diz que os idosos têm muitas perguntas em relação à internet, computadores, mas que a maioria deles não recebe respostas às suas questões, por parte de familiares, seja, por falta de didática, por falta de tempo, e até de paciência. Ela afirma que o grupo que iniciou o curso é ainda pequeno, mas que futuramente, outros acabarão aderindo e aprendendo como se socializar e interagir na era digital, porque a maioria dos idosos possui familiares no exterior, e sente a necessidade de saber usar dessa tecnologia, para poder estabelecer contato com seus entes queridos.

O objetivo do curso é ensinar o básico aos idosos, sobre, por exemplo, como criar uma conta de email, como usar o Skype, o Facebook, navegar na internet, e também como reduzir o receio de frequentar um centro de aprendizado, acreditando que ele seja destinado apenas à juventude. Ela pretende provar que o idoso também faz parte da sociedade, também tem o direito e a oportunidade de aprender coisas novas, na mesma proporção que uma pessoa mais jovem, tudo depende dele mesmo, de seu interesse, e seu ritmo de assimilação.

 Nassar afirma que os idosos, podem trazer seus laptops e tablets pessoais, para serem configurados em sala de aula, e que a prática em casa do que aprenderam em aula é de suma importância, e por isso, os professores pedem que sejam feitas pequenas tarefas de casa, como por exemplo, escrever e-mails, para que os alunos possam ir se dissociando de seus medos e inseguranças. 

Os que já tiveram aulas anteriores, e buscam reciclagem, ou novos conhecimentos, também são bem vindos, e suas dúvidas sempre serão respondidas, dentro de um ambiente familiar, confortável e informal.

Skillz Beirut: 
Pere Yousef Hayek Street, 56 - Gemmayzeh. 
Maiores informações: 01-584-234 ou 03-222-522.


Claudinha Rahme
Gazeta de Beirute
Foto: skillzbeirut
---------------------------------------------------------------------------------------------
“A Gazeta de Beirute
aprova a divulgação e o compartilhamento de suas matérias publicadas, mas repudia toda, e qualquer 
forma maliciosa e 
antiética, de plágio”.
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário