Investigação de armas químicas no Líbano


O Exército Livre da Síria, pediu aos Estados Unidos, e ao Conselho de Segurança da ONU, para ampliar investigações também no Líbano, sobre a suposta acusação de que o Regime sírio, teria enviado caminhões com armas químicas para o Hezbollah.

Segundo aos rebeldes sírios, as tropas de Bashar al-Assad, teriam transferido armas químicas para o grupo libanês, a três meses atrás, conseguindo “driblar” as investigações na Síria.

Um relatório da ONU divulgado segunda-feira confirmou que armas químicas foram usadas em 21 de agosto arredores de Damasco, mas não foi relatado por nenhum momento, se os culpados foram as tropas rebeldes, ou o Regime.

A Rússia afirmou que “há sérias razões para sugerir que esta foi uma provocação" pelos rebeldes que lutam contra o regime de Assad na guerra civil da Síria, fazendo com que o presidente sírio seja acusado de tal atrocidade.

O inspetor de armas, na última quarta-feira (18), disse que sua equipe, que foi para a Síria no mês passado e elaborou o relatório, voltará para a Síria em breve, para investigar várias acusações contra o Regime e a oposição.


Chadia Kobeissi
Gazeta de Beirute
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário