Após acordo com Líbano, mulheres sírias são libertadas


Nesta última semana, o Regime sírio libertou 64 pessoas que estavam presas (na maioria mulheres), em troca dos peregrinos libaneses que foram libertados na semana passada.

Nove reféns libaneses que estavam voltando de uma peregrinação no Irã, foram sequestrados por um grupo de rebeldes sírios no Norte da Síria, e ficaram presos durante 17 meses. 

No acordo, realizado pela Turquia, Catar e Líbano, os rebeldes sírios deveriam libertar os peregrinos libaneses, em troca  das mulheres sírias e dos pilotos turcos que foram sequestrados em solo libanês em agosto. 

"Desde terça-feira as autoridades sírias libertaram 64 dos 128 prisioneiros que deverão ser libertados como parte do acordo", disse a ativista Sima Nassar.

"Recebemos garantias de que as outras pessoas serão libertadas até o final da semana ", acrescentou.

Entre os reféns do Regime Sírio, havia muitos ativistas humanitários, e pessoas doentes, porém não houve nenhum comentário oficial de Damasco sobre os detidos.

Essa onda de sequestros entre os rebeldes e o regime sírio, diminuiu, mas ainda há muitos que estão em cárcere.

Chadia Kobeissi
Gazeta de Beirute
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário