Razōes pelas quais as pessoas mudam de País

Foto de simplemoth

Quando você decide mudar de país, independente do período - você deve ter um objetivo. Isso ira lhe ajudar a manter-se sao e garantir que você aproveite ao máximo seu tempo no exterior.

Depois de varias horas de conversas com pessoas de diferentes países, aprendi que cada historia tem um significado único. Todo mundo tem um motivo diferente do por que mudar de pais e tentar o desconhecido.

Algumas das respostas mais comuns foram:

Mudanca de ‘ares’
Esta e uma resposta muito comum, mas realmente depende muito da idade (idade média: 30 anos). As pessoas nessa faixa etária precisam pensar sobre suas vidas, precisam seguir em frente, conhecer novas pessoas e aprender algo novo para poder progredir em suas vidas. Normalmente, já tem uma carreira estável, mas precisam de um novo desafio. Com as pessoas que conversei, a grande maioria precisava de uma "mudança de ares", principalmente por estarem entediados com a vida.

Educacao
Algumas pessoas querem aprender um novo idioma, seja por razoes pessoais ou profissionais. Isso também envolve a obtenção de um diploma, seja como um estudante de graduação ou pós-graduação, o que levara a uma melhor posição no mercado de trabalho quando voltar ao Brasil. Talvez apareça uma oportunidade enquanto estiver no exterior, nessa situação você pode escolher em ficar onde esta permanentemente.

Desenvolvimento Profissional
Algumas pessoas vão trabalhar em outro pais (ate mesmo como voluntários) em sua área profissional para que possam adquirir experiência internacional.

Ha também aquelas pessoas que percebem que realmente não gostam de seu trabalho atual e decidem começar uma nova carreira ou ate mesmo uma nova ideia de negocio. Eles veem outras empresas, conversam com as pessoas que amam suas carreiras e sua paixão os faz perceber que ha mais na vida do que dinheiro.

Coracao partido
Eu não posso afirmar quantos “corações partidos” eu conheci ao longo do caminho. Pessoas em relacionamentos longos frequentemente precisam se separar completamente do lugar e das pessoas para que sejam capazes de seguir em frente. Eles precisam dar um tempo de seu mundo para que possam se jogar “em uma viagem completamente nova” e assim possam encontrar-se livres novamente. E como diz o velho ditado: "o que os olhos não veem, o coração não sente".

Explorar o Mundo
Muitos que são apaixonados por geografia ou historia decidem que precisam ver o mundo com seus próprios olhos - todas as batalhas e guerras que ocorreram nesses lugares magníficos ao redor do mundo. Eu me senti bastante emocionado na primeira vez que fui a Berlim e vi pedaços do muro que havia dividido a cidade. Embora não tenha sido parte da minha própria historia, eu lamento por aqueles que viveram naquela época e sofreram como eles sofreram.

Expandir o seu conhecimento 
Explorar o mundo o levara a expandir o seu conhecimento - não tenha duvida sobre isso. O conhecimento fará de você uma pessoa "nova". Você vai aprender coisas que você só pode aprender se estiver realmente lá.

Quando estive na Polónia, em 2003, aprendi sobre sua tradicional festa de Natal. Eles vão para o mercado um dia antes para escolher a carpa (peixe) que será servida na Santa Ceia. Mesmo se meus amigos polacos tivessem me contado sobre essa tradição, não teria sido a mesma experiência. Estando lá, escolhendo o peixe e vendo toda a preparação, tendo que esperar ate a primeira estrela aparecer no céu para começar a comer. Essa experiência foi única e eu lembro com carinho como se fosse hoje.

Para melhorar a si mesmo como ser humano
Viagens tornarão você mais paciente, mais experiente e irão transformar você em um ser humano melhor. Você vai entender melhor as coisas e sera mais compreensivo, especialmente se você viajar para países subdesenvolvidos. Você vai ver que as pessoas são felizes mesmo na pobreza e elas aprendem a lidar com isso no seu dia-a-dia. A menos que também venha de uma família muito pobre, a experiência no exterior mudara sua percepção sobre alimentos e bens materiais.

“Fazer Acontecer”
Esta e normalmente a resposta de pessoas muito ambiciosas. Você se muda para outro lugar, porque onde você mora ou e muito difícil "fazer acontecer" ou as condições nunca serão favoráveis para você alcançar seus objetivos. "Fazer acontecer” significa alcançar seus objetivos, suas metas e sonhos. Por exemplo, suponha que você queira se tornar um famoso designer de moda, se o seu país não lhe fornece as ferramentas (ou a mente das pessoas ou a economia e muito pobre para as pessoas gastarem dinheiro em roupas), você ira para outro pais onde tenha oportunidades para desenvolver seu sonho.

Para encontrar o amor
Por mais engraçado que pareça, as pessoas realmente vão em busca do grande amor em outro país. Por alguma razão eles não podem encontrar sua outra metade em seu próprio país de origem, então eles vão para outro lugar onde tenham mais chances. 

Lembro-me de uma amiga escocesa, ruiva, dizendo o quanto ela amava o Brasil. Eu perguntei por que e ela disse: “Eu nunca tive tanta atenção na minha vida. Quase não ha meninas ruivas no Brasil, sendo assim, eu era exótica. Eu fui cantada por um monte de homens muito atraentes”. Naquele momento eu achei tudo muito engraçado, mas depois de 6 meses, ela disse que estava se mudando para o Brasil. Estava indo encontrar o amor e agora, sete anos depois, esta casada com um brasileiro.

Estes são apenas alguns exemplos. Muitos desses motivos irão acabar se complementando. Por exemplo, se o seu objetivo era somente aprender um idioma, mesmo assim você vai acabar tendo mais conhecimento geral, ser uma pessoa melhor, e de alguma forma, mudar a atmosfera.

Porem e importante que mantenha em mente seu principal motivo pelo qual esta indo para o exterior. Nao perca o foco. 

Muitos dos meus amigos tem maneiras diferentes de descrever suas viagens, mas todos eles concordam em muitas coisas e percebem que, mesmo sendo de paí¬ses diferentes e tendo diferentes objetivos, suas historias são frequentemente as mesmas.

Rafael dos Santos é um empresário brasileiro e mora ha 12 anos em Londres, no Reino Unido. Sua coluna da semana foi baseada em um dos capítulos do livro "Mudando de Pais - Um passo de cada vez", lançado recentemente e da dicas para pessoas que estejam de mudança enfrentem os imprevistos mais facilmente e não sofram tanto com o choque cultural. O livro pode ser adquirido através da Amazon.com: http://ow.ly/qf7s7 .



Rafael dos Santos - Autor do livro: “Moving Abroad, one step at a time”.
Gazeta de Beirute
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

1 comments: