Exército libanês faz declaração oficial

dailystar.com.lb

Em resposta a uma declaração feita por um político, que não teve o nome revelado, sobre a exposição de um detido, vítima de espancamento e tortura, o Exército libanês anunciou, em comunicado oficial, que todas as investigações realizadas pela unidade de inteligência do Exército, estão sob supervisão judiciária. O comunicado diz:

"As investigações realizadas pela Diretoria da Inteligência estão sob a supervisão do tribunal especializado. Não houve queixa alguma ou qualquer alegação de casos de tortura ou confissões sob pressão, o que pode ser provado pelos advogados dos detidos e pela perícia médica.

Não é verdade que o detido – a quem o político libanês se referiu – pode ser suspenso por um período superior ao limite legal permitido, e qualquer extensão do período de detenção, com o consentimento do tribunal especializado.

Essa tentativa de separar o trabalho do Exército do aparato de segurança, oficiais, e autoridades judiciárias, de acordo com diferentes considerações, beneficia somente o projeto de destruir o prestígio do Exército e a moral dos seus membros, no momento em que essa instituição aposta em grandes esforços para manter a união dos libaneses e a estabilidade."


Therese Mourad
Gazeta de Beirute
Share on Google Plus

About beirut lebanon

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 comments:

Postar um comentário